Quem somos

Ailton Fernandes (Cruzeiro do Sul), Carlos Alberto F.Teixeira (Civitatis),  Celso Napolitano (Magno), Cláudia Priore (Lourenço Castanho), Dorival Bonora Jr (Campos Salles, Oswaldo Cruz), Fábio Zambon (Lumen Vitae, Oswaldo Cruz/Paes Leme), Julio César Butuhy (SENAC), Jurandir Alves da Silva (Agostiniano), Lidiane Christovam (Mackenzie), Luiz Antonio Barbagli (Santo Américo, Santo Agostinho, Mogi das Cruzes), Luiz Carlos de Campos (PUC-SP, Unisa), Madalena Guasco Peixoto (PUC-SP), Marcelo de Paola Marin (Porto Seguro), Maria Elisabeth Vespoli (Morumbi), Maria Sofia Aragão (aposentada, Mackenzie), Neusa Bastos (PUC-SP,Mackenzie), Osvaldo Souza Santos (FAAP), Pedro Artur Caseiro (Dimensão, Santana), Relúcia Alarcon (Beatíssima), Ricardo Rigo (São Judas), Rita de Cassia Fraga (Mater Dei), Silvia Barbara (Mater Dei), Walter Alves (Pentágono, Montessori, CPV), Walter Morais(Agostiniano)

Post Destacado

Nosso projeto para a gestão 2018-2022 do SinproSP

Uma massa ruidosa de professoras e professores ocupou as ruas de São Paulo na Campanha Salarial de 2018 e derrotou a intenção dos donos de escola em acabar com nossos direitos:  energia contagiante que a Chapa 1 quer manter nas nossas lutas dos próximos quatro anos Os princípios que inspiram e definem os compromissos da... Continuar Lendo →

Post Destacado

Compromisso renovado

As professoras e os professores que integram a Chapa 1 estão comprometidos com a permanente melhoria das nossas condições de trabalho e com a defesa intransigente da nossa dignidade profissional. Pensamos que esses são os princípios políticos que devem continuar norteando a atuação do SinproSP. Nossas propostas para a próxima gestão do Sindicato são construídas pelo respeito irrestrito à dimensão... Continuar Lendo →

Post Destacado

Sindicato forte e atuante

Mobilizar a categoria na luta por seus direitos e assegurar que a estrutura de funcionamento do SinproSp seja mantida exigirá que sua defesa seja assumida por todos Os sindicatos vivem hoje uma difícil situação financeira em decorrência do fim da contribuição sindical. Isso significa dizer a sobrevivência do movimento sindical como instância de representação política e reivindicatória... Continuar Lendo →

Apoio e assistência à nossa categoria

A Chapa 1 é contrária a qualquer tipo de flexibilização de direitos trabalhistas. Sob o argumento de que as regras que regulam o trabalho são um estorvo para o crescimento econômico, o que os empresários querem é aprofundar a apropriação privada da riqueza e maximizar seus lucros.  A proposta da Chapa 1 é manter a presença... Continuar Lendo →

Uma utopia que vai até onde nossa vista alcança

Congressos do SinproSP são propostos pelos próprios professores e dirigidos aos professores. É outro dos compromissos da Chapa1: promover e implementar atividades que dão conta da complexidade da nossa profissão A atividade sindical tem tudo a ver com a natureza de cada uma das profissões que ela envolve. Embora seja sua tarefa primordial,  um Sindicato não... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑